Serigrafia: Tipos, Desenvolvimento da Tela e Procedimento de Impressão

A serigrafia é uma forma de imprimir imagens forçando a tinta ou pasta de impressão com a ajuda de um rodo através de um bloco de tela especialmente preparado para registrar uma impressão em um substrato, como tecido, papel, couro, camiseta, etc. Também é referido para serigrafia ou mitografia. Esta técnica de impressão é amplamente utilizada por vários artistas e pela maioria das gráficas para a execução de seus projetos, pois pode ser usada na impressão em praticamente todas as superfícies, como papéis, plásticos, tecidos, couro, vidro, madeira, borracha etc.

Existem dois tipos principais de telas que são usadas para a impressão da tela. As telas temporais duram menos. Eles são adequados para registrar impressões únicas ou limitadas em roupas e papéis. São muito fáceis de preparar e não requerem muito dinheiro ou esforço. Exemplos de telas temporais são telas de estêncil de papel e telas de cera de vela.

No entanto, as Telas permanentes têm uma extensão de tempo muito longa e, se cuidadas corretamente, podem durar para sempre. Eles podem ser usados ​​na impressão de múltiplos, centenas e até milhares de impressões. Sua preparação em comparação com as telas temporais exige considerável esforço e dinheiro. Exemplos de telas permanentes incluem telas fotográficas, telas de laca e telas de goma-laca.

Existem várias maneiras de revelar telas para impressão. Alguns deles foram detalhados na discussão abaixo.

1. Preparação da tela de estêncil de papel – Esta tela de estêncil de papel é muito semelhante à preparação de estêncil, embora seja uma extensão dela. Envolve a transferência do desenho acabado para o papel a ser usado, enquanto recorta as áreas positivas (a imagem a ser impressa) do papel. O estêncil preparado é então preso ao bloco de tela esticado com o auxílio de uma fita adesiva. Sobram permissões suficientes para servir como reservatórios de tinta. A tela está pronta para impressão.

2. Tela de cera de vela / tela de goma-laca / tela de laca – Os processos preparatórios nesses métodos de preparação de tela são os mesmos. A única diferença é o material usado no revestimento das áreas negativas da tela, que pode ser cera fundida, goma-laca ou laca. O design finalizado é transferido para o bloco de tela esticado. Com o auxílio de um pincel, aplique a cera fundida ou goma-laca diluída ou laca para bloquear as áreas negativas do desenho. Teste a tela quanto a furos fazendo um teste de impressão. Bloqueie os furos, se houver. A tela preparada está pronta para impressão. As telas lacadas são muito duráveis ​​e mais econômicas em termos de qualidade e quantidade. Eles são muito bons para designs simples e ousados.

3. Preparação da tela fotográfica – A preparação da tela fotográfica envolve o uso de luz para revelar ou destacar designs na tela. As fontes de luz podem ser naturais ou artificiais. Portanto, existem duas formas principais de fazer telas fotográficas, daí o uso da energia solar (sol) durante o dia e o uso de lâmpadas fluorescentes fortes na caixa de exposição ou de disparo. Em todas essas duas formas, as telas devem ser revestidas na câmara escura com uma solução de fotoemulsão misturada com um sensibilizador. A tela é colocada na sala escura para secar.

No método de energia solar, a parte interna ou oca da tela revestida é preenchida com um saco de areia fina em uma placa de madeira plana e virada de cabeça para baixo. A parte positiva do papel (onde estão os desenhos) é colocada na parte frontal da tela e coberta com um pedaço de pano. A coisa toda fica exposta à energia solar (sol) por alguns minutos. A duração depende da intensidade do sol. A tela é então removida e lavada em água corrente. As áreas de design ficarão abertas com as áreas negativas bloqueadas.

Ao usar a caixa de revelação ou disparo na sala escura, depois que a tela é revestida com a foto-emulsão e a solução de sensibilizador, ela é deixada para secar. O desenho é então colocado com a face para cima no vidro da caixa de tiro. A parte frontal da tela revestida a seco é colocada no desenho com a parte interna ou oca para cima. Um saco cheio de areia fina ou roupas pesadas com dobradiças de pedras é colocado na parte oca da tela apenas para garantir o contato firme entre a placa de vidro, o papel com o desenho e a tela. As luzes da caixa de tiro são acesas por cerca de cinco minutos. A duração pode ser mais ou menos dependendo do número e watts das lâmpadas fluorescentes na caixa de tiro. A tela é removida e lavada em água corrente. Depois, é seco e pronto para impressão.

As etapas a seguir são seguidas ao imprimir com telas preparadas.

1. Prepare a mesa de impressão.

2. Coloque o substrato (camiseta, lenço, etc.) na mesa de impressão.

3. Posicione a tela (lado oco para cima) no substrato.

4. Busque uma pequena pasta de impressão na área sem imagem (reservatório de tinta).

5. Desenhe a pasta de tração na área da imagem da tela com o rodo inclinado em um ângulo razoável para registrar uma impressão.

6. Revise a impressão se uma impressão mais profunda for necessária.

7. Com cuidado, remova, lave e seque a tela para uso futuro.

8. Deixe a impressão secar e o desenho do ferro fixe.

Existem algumas dicas importantes que devem ser observadas durante a impressão. Estes são:

-Colocação correta das telas- O artista deve prestar muita atenção em como posiciona a tela no substrato ou material a ser impresso. Se as telas forem colocadas incorretamente no substrato, isso resultará no registro incorreto de projetos em áreas designadas do substrato. Além disso, se as estampas forem repetidas no tecido em um padrão ou arranjo especial, haverá lacunas ou desordem no arranjo.

-Pressão apropriada no rodo- A pressão exercida no rodo deve ser moderada e bem pensada. Isso porque se a pressão exercida for menor, algumas áreas da tela não serão registradas na impressão. Por outro lado, se muita pressão for exercida na tela, isso resultará no borramento dos designs no substrato. Isso significa que a tinta ou pasta de impressão se estenderá além dos limites ou bordas do desenho. Portanto, a pressão exercida no rodo não deve ser muito leve nem muito forte.

-Lavagem instantânea das telas- As telas utilizadas para impressão devem ser lavadas imediatamente após a impressão para evitar o bloqueio das telas. Isso se deve ao fato de que quando o resíduo da tinta de impressão permanece na tela por algum tempo, ele deixa de ser lavado da tela, resultando em seu bloqueio. É conveniente então lavar a tela logo após a impressão com água morna ou sabão e espuma para remover todos os resíduos de tinta. No entanto, deve ser lavado com cuidado, caso contrário resultará na criação de pequenos orifícios que são pequenas áreas da tela revestida que estão livres da solução de revestimento ou no rasgo ou redução da tensão na tela esticada e esticada.

O desenvolvimento de telas de impressão manual ou mecanicamente é uma escolha do artista em função dos recursos de que dispõe e do tempo de entrega. Cada um dos processos de desenvolvimento de tela e seu procedimento de impressão requerem grande paciência e determinação para produzir uma duplicação precisa dos designs.

A Grafica Salvador vende vários serviços de impressão sob medida, abrangendo a impressao 24h, impressão em a3, impressão uv… em Salvador.